Programação via blog

 


CINE OLYMPIA

O crescimento da economia pautada no extrativismo da borracha, iniciada em Belém, por volta de 1890, refletiu-se na cultura paraense, através de materiais construtivos e características estilísticas em voga na Europa, que se refletiam na aquisição de objetivos, no anseio de uma sociedade em busca de modernidade mas que não perdia hábitos provincianos e na construção das edificações dentro do ecletismo vigente na época, ou já com referências art nouveau que antecipava o modernismo do século XX, na adoção de linhas e materiais como o ferro, aceito como elemento formal compositivo. O refinamento da Belle Époque trouxe consigo outras necessidades para a cultura regional, mesmo com o declínio da fase áurea da borracha, em 1912. A atmosfera cosmopolita européia fomentava uma propagação do cinema e a difusão de filmes pelo mundo, e, estes, por sua vez, eram os espelhos de uma geração que vislumbrava sentir-se além do aspecto colônia, ou seja, uma nova identidade social formulava-se. Fundava-se em 24 de abril de 1912, ainda na época do cinema mudo, o Cine Olympia, que hoje é considerado o cinema mais antigo do Brasil em funcionamento, atravessou vários momentos da história da cinematografia, desde os tempos áureos da belle époque - onde a população vestia suas melhores roupas e fazia do espaço um centro de cultura e glamour.

Transformado desde 2006 em Espaço Municipal Cinema Olympia Luiz Severiano Ribeiro, agrega hoje programações, projetos, que estimulam no público a capacidade de conhecer e aprender. Além de fomentar conhecimento, cultura e lazer com a exibição de grandes títulos do cinema nacional e internacional, o Espaço Olympia também é palco para debates, simpósios, seminários e tudo o que a população em geral considerar relevante e necessite de uma infra-estrutura, como a da mais tradicional sala de exibições da cidade.

Entre as ações se destaca o Projeto "A Escola Vai ao Cinema", onde instituições de ensino da rede pública ou privada estabelecem parcerias com a Prefeitura levando grupos de alunos para sala de projeção, com o objetivo de formar público para esse tipo de produção.

.
APRESENTAÇÃO

O objetivo do projeto é ampliar os horizontes, aumentar a emoção, trazer arte para o processo de ensino-aprendizagem e aproximar o público estudantil da narrativa audiovisual, através do contato com grandes obras do cinema nacional e internacional. Paralelamente este projeto também abrirá espaço, para a exibição e difusão de obras de artistas locais, sedimentando a imagem da cidade de Belém no mundo da sétima arte.
.
A Prefeitura Municipal de Belém, por meios da Fundação Cultural do Município de Belém através de seu departamento de Ação Cultural e estará envolvido no projeto que abrange a Educação Infantil, Ensino Fundamental, Educação de Jovens e Adultos (EJA), e outros, que objetiva-se utilizar a sétima arte na educação levando aos participantes novos valores, proporcionando entretenimento, cultura e desenvolvimento social. A Programação de filmes está prevista para ocorrer no período de abril a novembro do ano em curso, as terças e quintas-feiras nos períodos da manhã e tarde, quando os participantes desenvolverão o conteúdo adequado, como forma de aprofundar a experiência do encontro.

.

Objetivo Geral

Atender a comunidade estudantil das Escolas Públicas e Particulares da região metropolitana de Belém, possibilitando o acesso à linguagem do audiovisual.

Objetivos específicos:

  • Ampliar o alcance geográfico e social de produções audiovisuais, levando gratuitamente para rede de ensino, filmes nacionais e internacionais do circuito comercial de exibição;
    .
  • Utilizar a cinematografia da sétima arte como potencializadora de debates de interesse da sociedade;
    .
  • Utilizar espaços e equipamentos culturais existentes para acesso da população nas suas diversas faixas etárias ao projeto;
    .
  • Agregar valores regionais às sessões dos filmes com a difusão de obras dos artistas locais.

FORMATO

A Escola vai ao Cinema” é direcionado para alunos do Ensino Fundamental, e Ensino Médio, com mostras específicas para cada nível e, ainda, comunidade em geral, por meio de uma programação de Cinema e Arte. 
.
O acesso ao Cinema Olympia será conduzido por docentes das escolas pública municipais de ensino e coordenadores responsáveis pelo projeto, previamente preparado para a utilização da experiência em sala de aula, através da exploração de conteúdos e reflexão sobre os valores sócio-culturais fomentados pelos filmes. Tendo uma infra-estrutura de alimentação e transporte providenciado pela Secretarias e Instituições envolvidas com o sistema educacional para o deslocamento dos alunos.
.
A Fundação Cultural do Município de Belém por meio do DEAC/Espaço Municipal Olympia e a Secretaria Municipal de Educação estão envolvidas, promovendo quinzenalmente ciclos de debates sobre o cinema, para aprimorar mais a metodologia do projeto.  A meta é atingir aos 40 mil alunos da Rede Municipal de Ensino.


Av. Presidente Vargas, 918
Bai
rro: Campina
cinemaolympia@belem.pa.gov.br

 



.

tel 91 3230.5380
Belem -PA

apoio
SOL INFORMÁTICA